Como morreu Judas?

sexta-feira, 26 de janeiro de 2024

A morte de Judas Iscariotes é descrita no Novo Testamento da Bíblia, nos livros de Mateus (Mateus 27:3-10) e Atos dos Apóstolos (Atos 1:16-20). As narrativas, no entanto, diferem um pouco nos detalhes.

De acordo com o Evangelho de Mateus, após trair Jesus por trinta moedas de prata, Judas ficou angustiado e tentou devolver o dinheiro aos principais sacerdotes e anciãos, dizendo que havia pecado ao entregar sangue inocente. No entanto, eles se recusaram a aceitar o dinheiro de volta. Judas então lançou as moedas no Templo e partiu. Sentindo remorso, ele foi e enforcou-se.

No livro de Atos, a morte de Judas é mencionada de uma maneira um pouco diferente. Em Atos 1:18-19, Pedro, falando aos discípulos, relata que Judas adquiriu um campo com o dinheiro da traição, onde ele caiu de cabeça, e seu corpo se abriu, derramando suas entranhas. Isso teria acontecido de tal forma que o campo ficou conhecido como "Campo de Sangue".

As duas narrativas concordam sobre o fato de que Judas encontrou um fim trágico após trair Jesus, mas os detalhes específicos diferem entre os Evangelhos. Essas diferenças podem ser atribuídas a diferentes tradições ou perspectivas dos autores dos Evangelhos.



Se Creres Gospel







Compartilhe essa página:



Bíblia Sagrada

A Bíblia Sagrada Cristã é o principal texto religioso do Cristianismo. É composta por dois grandes conjuntos de escrituras: o Antigo Testamento, que contém textos que datam de antes do nascimento de Jesus Cristo e é compartilhado com o Judaísmo, e o Novo Testamento, que narra a vida, os ensinamentos, a morte e a ressurreição de Jesus Cristo, bem como os ensinamentos e as cartas dos primeiros seguidores de Jesus, conhecidos como apóstolos.

A Bíblia é considerada pelos cristãos como a Palavra de Deus e é fundamental para a fé e prática cristãs. Ela é amplamente lida, estudada e interpretada por cristãos de todo o mundo, e suas histórias, ensinamentos e valores continuam a exercer uma influência significativa na cultura e na sociedade ocidental.


saiba mais »