Publicidade


Ator global faz críticas ao bispo Edir Macedo após ser impedido de filmar reunião na Igreja Universal

Ator tentou gravar a reunião utilizando um aparelho celular

Ator da TV Globo Paulo Betti esteve visitando o templo de Igreja Universal do Reino de Deus em Teresina (PI) nesta segunda-feira (22), e tentou gravar a reunião utilizando um aparelho celular, até que um dos pastores percebeu que o ator estava gravando e pediu para que desligasse o aparalho, infornando que era proibido filmar dentro do templo.


Veja também:

“Não pode filmar aqui, não”, falou o pastor ao ator Paulo Betti, no vídeo divulgado pelo próprio ator.

”Por que não?”, questiona Paulo Betti.

“Porque não, há uma lei, não pode filmar”, diz o representante da Universal.

Em seguida, o ator global faz um comentário em tom de provocação: “Eu entro na igreja católica e filmo”, diz.

“Mas aqui não é igreja católica”, responde o pastor, questionando em seguida para qual finalidade o vídeo estava sendo feito.

“Para mim!”, responde o ator. “Ué, mas onde tá escrito [que não pode filmar]? Me mostra”, pede Betti, irritado.

“Tem ali na parede [aponta para uma placa]. Vamos ali, vamos filmar ali”, pede o voluntário. No entanto, Paulo Betti desiste de filmar a reunião e deixa o templo.

O ator postou o vídeo no Facebook e posteriormente exclui segundo informações do portal Gente. Em seguida o ator fez uma publicação afirmando que havia sido hostilizado no templo da Universal: “Fui gravar com o celular e quase levei porrada! Por que? Por que é proibido gravar o (argh) Macedo usurpando a palavra de Deus?”.

Em nota a Igreja Universal afirma que a atitude do ator foi de forma preconceituosa, conforme você pode acompanhar na postagem feita no Facebook pela igreja do bispo Edir Macedo.



Postar um comentário

0 Comentários