A Dor (Continuação)

Home Artigos Notícias Quem Somos Turminha Se Creres Opinião Bíblia Sagrada Estudos WebRádio Editora

A Dor (Continuação)

E o Senhor virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o Senhor acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía. Jó 42:10

...Na sequência estava marcado um novo ultrassom. No dia, como era de costume, eu a acompanhava. E foi nesse mesmo dia que nossos sonhos, planos, desejos, para o Lucas, chegaram ao fim. Quando a médica ao realizar o exame de ultrassom, percebeu que seu coração não batia...

No dia seguinte minha esposa entrou na sala de cirurgia para ter o bebê, sabendo que não estava vivo. Que não ouviria o seu choro e não pegaria no colo. Após o procedimento, foi encaminhada para o quarto, onde ficou internada durante três dias.

Existe propósito no sofrimento do Cristão?

Passados os dias, foi para casa abatida, calada e talvez decepcionada. Ao se imaginar entrar em casa sem esta segurando seu filho. Abalou-nos muito, porém:

Afastar de Deus?   Jamais!

Questioná-lo?   Nunca!

Amá-lo?   Sempre!

Continuamos levando uma vida fiel a Deus buscando a sua glória. Prometemos não recuar, indiferente das circunstancias. Foi a partir dessa perca que percebemos que ouvir os testemunhos de outros é fácil, difícil e poder passar por uma prova dessa proporção e permanecer fiel.

Agora, sim, tornamos a viver, porque permaneceis firmes no Senhor. 1 Tessalonicenses 3:8

Fazíamos de tudo para não abalar nossas estruturas. Buscávamos nos manter de pé crendo no Senhor e depositando nEle a nossa fé. Não foi fácil, mas sabíamos que Deus recompensa todos os que permanecem fieis a Ele...

E o Senhor virou o cativeiro de Jó, quando orava pelos seus amigos; e o Senhor acrescentou, em dobro, a tudo quanto Jó antes possuía. Jó 42:10

Também teve sete filhos e três filhas. E chamou o nome da primeira Jemima, e o nome da segunda Quezia, e o nome da terceira Quéren-Hapuque. E em toda a terra não se acharam mulheres tão formosas como as filhas de Jó; e seu pai lhes deu herança entre seus irmãos. Jó 42:13-15

E com nós não foi diferente! Deus havia prometido um filho, não se cumpriu no Lucas, o mesmo aconteceu com Abraão, a promessa de se tornar o pai de uma grande nação não se cumpriu em Ismael, teve inicio em Isaque.

E o SENHOR visitou a Sara, como tinha dito; e fez o SENHOR a Sara como tinha prometido. E concebeu Sara, e deu a Abraão um filho na sua velhice, ao tempo determinado, que Deus lhe tinha falado. E Abraão pôs no filho que lhe nascera, que Sara lhe dera, o nome de Isaque. E Abraão circuncidou o seu filho Isaque, quando era da idade de oito dias, como Deus lhe tinha ordenado. E era Abraão da idade de cem anos, quando lhe nasceu Isaque seu filho. E disse Sara: Deus me tem feito riso; todo aquele que o ouvir se rirá comigo. Disse mais: Quem diria a Abraão que Sara daria de mamar a filhos? Pois lhe dei um filho na sua velhice. E cresceu o menino, e foi desmamado; então Abraão fez um grande banquete no dia em que Isaque foi desmamado. Gênesis 21:1-8

Vivemos de suas promessas, e quando o Senhor promete, Ele é fiel para cumprir!

Saberás, pois, que o Senhor teu Deus, ele é Deus, o Deus fiel, que guarda a aliança e a misericórdia até mil gerações aos que o amam e guardam os seus mandamentos. Deuteronômio 7:9

E cumpriu! Alguns meses depois. Minha esposa estava grávida.

Um choque inesperado!

Um susto tremendo!

Uma esperança!

Dessa vez seria diferente?!

E agora? Bom! Não foi diferente, marcamos o pré-natal no mesmo hospital que acompanhamos o Lucas, a médica até se assustou; “Já”?

Nas primeiras consultas tudo normal, o difícil era quando estava marcado exame de ultrassom, o trauma ainda abalava-nos muito. E eram nesses dias que antes de entrar para realizar o exame, me ausentava por alguns minutos e sem que a minha esposa percebesse, me deslocava até o banheiro e orava ao Senhor. Posso te afirmar que funcionava, e muito!

E, tudo o que pedirdes em oração, crendo, o recebereis. Mateus 21:22

Portanto, vós orareis assim: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; Venha o teu reino, seja feita a tua vontade, assim na terra como no céu; O pão nosso de cada dia nos dá hoje; E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores; E não nos conduzas à tentação; mas livra-nos do mal; porque teu é o reino, e o poder, e a glória, para sempre. Amém. Mateus 6:9-13

Já próximo de ganhar o bebê internaram minha esposa, apenas para preserva-la. Certo dia enquanto estava realizando exame para verificar o batimento cardíaco do bebê (exame de rotina), recebo a ligação da minha esposa, quando eu estava participando de um culto de ensinamento, dizendo que o resultado do exame havia dado alteração. Preocupado corri para o hospital, quando cheguei estava sendo realizado outro [exame], para comprovar. Para nossa felicidade não houve alteração. Provavelmente defeito no aparelho. Ou melhor, como o diabo é sujo!

Enfim, após alguns dias, se concretizou. Estava consumado! O bebê havia nascido. Deus já tinha revelado o nome a minha esposa. Richard, esse é o nome do “filho da promessa”.

Certo dia, prostrei-me em oração para agradecer ao Senhor pela benção alcançada. Então disse: “Obrigado Senhor pelo filho que me deste”, então ouvi uma voz que soava em meus ouvidos que dizia: “Seu não, Meu filho”! Então entendi...

Ou não sabeis que o vosso corpo é o templo do Espírito Santo, que habita em vós, proveniente de Deus, e que não sois de vós mesmos? 1 Coríntios 6:19

Retenhamos firmes a confissão da nossa esperança; porque fiel é o que prometeu. Hebreus 10:23

Espere mais um pouco, da mesma forma que Deus não esqueceu de mim, jamais esquecerá de você!

Postar um comentário

0 Comentários

A Dor (Continuação) - Se Creres Notícias Gospel